1ª Eliminatória Taça de Portugal, Sub 18 SL Benfica Rugby/RV Moita – 7 (1E, 1T) vs Caldas RC – 52 (8E, 6T)

 

1ª Eliminatória Taça de Portugal Placard, escalão Sub18

Caldas RC vence SL Benfica Rugby/RV Moita e classifica-se para a Fase Final

Uma semana passada sobre a expressiva vitória sobre o mesmo adversário, para o CN Grupo B, o Caldas RC deslocou-se à Vila da Moita para disputar o acesso à fase final da Taça de Portugal no escalão Sub18 – vencedor isento da disputa da 2ª eliminatória.

E tal como na partida das Caldas da Rainha a melhor qualidade Caldense não ofereceu qualquer dúvida sobre o resultado final.

Um encontro mal jogado, fruto da condição do “pitch” mas também do Rugby “anárquico” da equipa da casa a que nem sempre os Pelicanos souberam responder.

A história da partida acaba por se resumir ao evoluir do marcador.

Ensaios do Caldas RC aos 10 minutos pelo centro Afonso Pecegueiro, habitual chutador da equipa e que transformou.

Aumentou o Caldas aos 20 minutos pelo mesmo Afonso Pecegueiro, desta feita sem a mesma eficácia no pontapé aos postes.

Aos 25 minutos, o ¾ ponta Guilherme Colmonero, ainda Sub16, concretizou e Afonso Pecegueiro acrescentou mais dois pontos.

 

À meia-hora foi a vez do 2ª linha José Contreras, outro Sub16 mas com vasta experiência nas seleções regionais a elevar o marcador, com nova transformação do eficaz “kicker” Pelicano.

1ª Parte: SL Benfica Rugby/RV Moita – 0 vs Caldas RC – 26 (4E, 3T).

Eliminatória resolvida, mas Rugby para jogar.

A segunda metade manteve a toada. Domínio do Caldas RC, tentativa de resposta do SL Benfica/RV Moita.

Logo aos 36 minutos os Pelicanos pontuaram de novo pelo sempre muito ativo médio de formação Rodrigo “Pulga” Henriques, ensaio também transformado.

A partida entrou numa fase mais confusa e só o engenho do médio de abertura Pelicano,”Manu” Carriço, ia pincelando com algumas jogadas de verdadeiro Rugby. Os ensaios aos 47 minutos e aos 60 minutos, ambos transformados, foram o corolário.

Até final mais um toque de meta para cada lado. Aos 69 minutos o centro Caldense Afonso Pecegueiro chegou ao terceiro da sua conta pessoal. Respondeu a equipa da casa com o seu ponto de honra na bola de jogo.

Resultado Final: SL Benfica Rugby/RV Moita – 7 (1E, 1T) vs Caldas RC – 52 (8 E, 6 T).

Mais um resultado expressivo do Caldas RC, neste início de época, com uma equipa base que já em jogando junta há vários anos, desde a conquista do Campeonato Sub14, vários jogadores a integrarem as seleções dos escalões inferiores desde alguns anos, integração cada vez mais conseguida de novos atletas. A escola Pelicana a justificar um salto para outro nível de competição.

Procurou sempre lutar a equipa conjunta dos Benfiquistas/Moitenses nem sempre com a disciplina de jogo que se impõe.

Arbitragem do jovem José Moita, que teve que usar dos cartões para “castigar” o comportamento técnico e disciplinar dos jogadores, aspetos a refletir por ambas as equipas.

No próximo sábado, 10 de Novembro, o Caldas RC defronta o CR Setúbal, pelas 13:00 h, na Pista de Atletismo de Setúbal, para a 3ª Jornada do CN Grupo B.

Alinharam pelo Caldas RC: Afonso Montargil, Afonso Oliveira, Afonso Pecegueiro (3E, 6T), António Maltez, Bernardo Nascimento, Carlos Prieto, Diogo Vieira, Francisco Oliveira, Gonçalo Martins, Guilherme Colmonero (1E), João Pedro Lamy, João Salvador, José Contreras (1E), Manuel Carriço (2E), Rafael Marcos, Rodrigo Henriques (Cap.) (1E), Rodrigo Ribeiro, Rodrigo Santos, Salvador Palhoto

Treinador: Patrício Lamboglia

Diretores de Equipa: António Maltez e Mario Carriço

Fisioterapeuta: Pedro Lopes/Physioclem.

A equipa do Caldas RC deslocou-se em carrinhas gentilmente cedidas pela TransWhite.

Os nossos agradecimentos ao apoio da CM Caldas da Rainha e aos nossos patrocinadores.

Partilhar...Share on Facebook
Facebook